Chapadinha - Vítima de explosão em oficina não resiste aos ferimentos e morre em São Luis


O jovem Francisco Lopes dos Santos, o Júnior, de 23 anos, não resisitiu à gravidade dos ferimentos e morreu hoje, por volta das 6h da manhã, no HospitalSocorrão 2, em São Luis

Terça, 17 de abril de 2012 - 8h30

O corpo do jovem está sendo aguardado para o velório em sua residência, à Rua Gustavo Barbosa, próximo à Biblioteca Pública Municipal.

O ACIDENTE

O acidente ocorreu às 17h, na Metalúrgica Brasil, na Rua Gustavo Barbosa. Segundo informações ainda não confirmadas, Junior tentava perfurar um tonel vazio, que antes era ocupado por um produto químico (provavelmente solvente), quando houve uma grande explosão, que pode ser ouvida a kilômetros de distância.

Júnior foi atingido em cheio no rosto, sofrendo afundamento craniano e esmagamento da estrutura óssea da face. Ele foi arremessado contra um freezer e uma máquina de solda, dentro da oficina. Outro homem que, segundo informações,  também trabalha na oficina, foi atingido pela explosão em um dos braços, mas o ferimento não  foi grave.

3 comentários

já ta na hora dos empresarios chapadinhense se concientizar e invertir em segurança no trabalho e incluzive assinar as carteira de trabalho

JA TA NA DOS EMPRESARIOS CHAPADINHENSE ENVERTI EM SEGURANÇA DO TRABALHO, ENCLUSIVE ASSINAR AS CARTEIRAS DE TRABALHO

È lamentavel o que aconteceu, fico muito triste em saber que esse jovem perdeu a vida por um acidente tão bobo, pois esse acidente poderia ser evitado, pois esse jovem não tinha conhecimento, de que realizar cortes em recipientes com restos de produtos quimicos, pode ocorre uma explosão,ele deveria ter feito uma limpeza nesse tunel, para retirar os restos de resíduos que ficam acomulados, e também os donos de serralherias, tem que trinar seus colaboradores, e também fornecer os EPI´s de acordo com esse tipo de tarefa a ser realizada, tinha que estar usando capacete,óculos de segurança, protetor facial enfim todos os EPI's adequados, assim iria reduzir um grande impacto nesse ocorrido, creio que a prefeita junto com vereadores e Estado devereia criar uma norma para todas as Empresas de Chapadinha, e localidades fazer cumprir com todas as normas do Ministério do Trabalho Emprego, criar procedimentos de Segurança para manter a Integridade física de Todos os Trabalhadores Chapadinhense...Pois perdemos um ser humano, só quem sofre com isso são os familiares,pois ele era tão jovem... Que Deus de um bom lugar para ele... Que Deus dê o consolo no coração dessa mãe que acaba de perder seu filho...

Atenção! Comentários abusivos e desrespeitosos serão deletados. Nem tente.
EmoticonEmoticon