VALE DAS FLORES

VALE DAS FLORES
Clique no banner acima para saber mais

Policial Militar de Chapadinha morre vítima de tiro


Por William Fernandes - quarta, 7 de junho de 2012 - 23h20

O Sargento PM Aurélio, de 38 anos, da 4ª CI/PM de Chapadinha, morreu hoje, por volta das 23h10, vítima de um tiro de pistola ponto 40, no peito esquerdo,  dentro da viatura em que trabalhava, no momento em que se preparava para sair do quartel, para o trailer do Bairro Areal.

O major Edvaldo Mesquita, comandante da 4ª CI, lamentou o fato. Ele conversou com o comandante geral da PM/MA e disse que o corpo será encaminhado dentro de algumas horas à capital, para exames. O delegado Jayron Timbó, esteve no HAPA, junto com o major Edvaldo reafirmou a necessidade de levar o corpo para a capital.

O sargento Aurélio é natural de Chapadinha, mas morou fora durante muitos anos. Ele voltou à cidade há cerca de um ano e morava na Rua Gustavo Barbosa, próximo à Igreja Presbiteriana.

Aurélio estava de serviço, comandando a guarnição da VT 025. Com ele estavam o cabo Lima e o soldado Maranhão. Cabo Lima contou ao Blog do William que eles estavam no boxe da PM que fica no Centro de Chapadinha, ao lado do Banco do Brasil, quando receberam um chamado para se deslocarem até o quartel. Ao chegarem ao quartel, eles desceram e ficaram alguns minutos.





Segundo o solado Maranhão, o sargento saiu da viatura com a arma na mão. Do quartel, os policiais deveriam se deslocar para o trailer do Bairro Areal, onde fariam a ronda. Aurélio, ainda com a arma na mão, foi o primeiro a dirigir-se de volta à viatura, para que pudessem ir ao Areal. Assim que ele entrou, os policiais ouviram o disparo. O policial morreu na hora. O banco dianteiro do passageiro ficou encharcado  de sangue.

Segundo Lima e Maranhão, sargento Aurélio estava tranquilo e não aparentava nenhum tipo de problema. Para eles foi uma surpresa o que aconteceu. Nenhum policial quis comentar sobre as hipóteses do disparo.


Texto  fotos:  William Fernandes (Blog do William)

1 comentários:

Meu Deus, que triste isso. confesso que me assustei quando comecei lê a matéria, pois tenho um cunhado que é PM e mora aí em Chapadinha.

Atenção! Comentários abusivos e desrespeitosos serão deletados. Nem tente.
EmoticonEmoticon