Mulher é obrigada a sair de Chapadinha para dar à luz uma criança em Anapurus


Sábado, 5 de janeiro de 2013


O fato ocorreu hoje pela manhã, com a servidora do município de Chapadinha, Priscila Meira, filha do Dr. Shell Meira. Ela teve que sair às pressas, de Chapadinha para Anapurus, onde deu à luz sua filha Vallesca Meira, em parto à cezariana. 

Segundo informações da família, no Hapa  não havia condições para que ela pudesse ter sua filha com segurança, além de terem recusado realizar a cirurgia. "Disseram que só fariam cirurgia em caso de extrema necessidade. E o caso era de extrema necessidade", contou Tacylla, irmã de Priscila.

Só lembrando que em Chapadinha não há mais hospitais municipais. Há apenas um que pertence ao estado, o HAPA, que está sendo administrado pelo município e onde são realizados procedimentos de maternidade e atendimento geral de urgência e emergência.

Breve traremos mais informações sobre este lamentável episódio.