terça-feira, 6 de setembro de 2016

Justiça Eleitoral em ação: Chico Coelho (PSL), está fora da disputa pela Prefeitura de Balsas

Resultado de imagem para chico coelho balsas
Francisco de Assis Milhomem Coelho, mais conhecido como Chico Coelho (PSL), está fora da disputa pela Prefeitura de Balsas. A decisão foi tomada pelo juiz eleitoral Pedro Henrique Holanda Pascoal que considerou a filiação partidária do ex-prefeito, irregular, uma vez que sua ficha partidária foi abonada no dia 28 de março de 2016 por Edelmo Ramalho que sequer possuía vínculo partidário com o PSL até a presente data.
Ainda foi detectado que todos os membros do novo diretório municipal, sequer estavam filiados ao partido na data de sua criação. Com base nesta e em outras irregularidades constatadas, o legitimo Diretório Municipal do PSL de Balsas, impetrou um mandato de segurança no Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE-MA) contra o presidente do Diretório Estadual do PSL e o fraudulento Diretório Municipal do partido naquela cidade.
Todos esses problemas foram constatados pelo juiz que decidiu por indeferir o registro de candidatura de Chico Coelho. No entanto, ele manteve válida o registro da coligação “Todos por um novo tempo” que erroneamente foi protocolada apenas com PSL/PMDB/PV/PP, ficando de fora DEM/PR/PRTB/PSDC/PMB, mas que agora já estão incluídos, após a decisão. Os nove partidos agora vão ter que correr contra o tempo para encontrar um substituto para o nome de Chico Coelho, que ainda pode recorrer ao TRE e até o TSE.
É necessário ressaltar que o sucesso do indeferimento da candidatura de Chico Coelho, deve-se também ao escritório do renomado advogado especialista em direito eleitoral, Carlos Sérgio de Carvalho Barros, autor de duas ações anulatórias e dois mandados de segurança, que garantiram o indeferimento do candidato a prefeito, vice-prefeito e 22 candidatos a vereador.
Em Vargem Grande, os advogados do conceituado escritório ingressam com uma ação contra o candidato Carlinhos Barros também por problemas na convenção, no DRAP e ainda de desincompatibilização. O Juiz já está analisando e nos próximos dias dará seu parecer.
Do Diego Emir.
Compartilhe via: