segunda-feira, 27 de março de 2017

ANAPURUS: Auditoria constata desvio de mais de R$ 13 Milhões do IPA, de 2008 a 2016

A Receita Federal acaba de concluir uma auditoria nas contas do IPA – Instituto de Previdência de Anapurus, no período de abril de 2009 a dezembro de 2016, e constatou um desvio mais de 13 Milhões de Reais. O período auditado coincide exatamente com os dois mandatos da gestão de Tina Monteles: 2008 a 2016.



Gestores do IPA nestes períodos:

2008 - João Carlos 
2009 a 2012 - Antônio Sousa Marques (Toinho do Mazin)
2013 a 2016 – Mirtes Costas Silva Santos

De acordo com a auditoria, conclui-se que no período de abril de 2009 a dezembro de 2106 (inclusive os 13º salários de 2009 a 2016) não foram integralmente repassadas as contribuições devidas pela Prefeitura Municipal ao IPA, no valor original de R$ 13.026.565,09 (Treze milhões, vinte e seis mil, quinhentos e sessenta e cuinco Reais e nove centavos).

A prefeita Vanderly Monteles manifestou profunda indignação e preocupação com a situação, já que o município fica impossibilitado de firmar convênios enquanto o problema não for solucionado: “Esse desvio milionário impossibilita nossa administração. É um valor muito alto. É praticamente impossível parcelarmos. Desta forma não podemos firmar convênios, receber recursos federais, realizarmos obras...”, lamentou a prefeita.

Para o município voltar a celebrar convênios com Estado e União, é necessário sair da inadimplência e ter o “nome limpo” no CAUC, que é o Serviço Auxiliar de Informações para Transferências Voluntárias, uma espécie de “SPC/Serasa” das entidades públicas.



O relatório das contas do IPA foi enviado à prefeitura pelo Auditor Fiscal da Receita Federal, Miguel Antônio Fernandes Chaves.
Compartilhe via: