domingo, 12 de março de 2017

DE NOVO! Mais uma vítima de acidente é transportada para o Hapa na carroceria de caminhonete, por falta/atraso de ambulância

Domingo, 12 de março de 2017

Mais um acidente e a história da falta/atraso de ambulância se repete em Chapadinha.
Um motociclista se acidentou na MA 230, próximo à Churrascaria do Gaúcho, na noite deste domingo (12) e teve que ser transportado ao Hapa na carroceria de uma caminhonete.

 "Demorou uns 20 minutos ou mais [aguardando a ambulância]. O rapaz sofreu uma pancada forte na cabeça que provocou um corte. Ela tava quase inconsciente", contou uma testemunha.

"A gente ligou pro HAPA, mas a ambulância tava demorando muito. Então colocamos a vítima na carroceria de uma caminhonete.", concluiu.

Resultado de imagem para AMBULANCIA PARA CHAPADINHA
imagem de arquivo
Na semana passada aconteceu o mesmo. Um homem de aproximadamente 60 anos foi acidentado na BR 222, próximo ao Recanto da Juçara e a ambulância demorou cerca de meia hora para chegar ao local. Policiais militares que passavam pelo local viram a vítima caída e tentaram contato com o hospital Pontes de Aguiar, mas não dava certo. Até que outra viatura da PM foi até o Hapa solicitar a ambulância.

NOVA AMBULÂNCIA?

Em 12 de fevereiro, a secretaria de Comunicação do município publicou uma nota comemorando a aquisição, por aluguel, de uma ambulância de pequeno porte (foto).

A nota traz ainda, uma informação que beira o absurdo: "Só no mês de janeiro a direção do hospital realizou 76 transferências para São Luís de pacientes de Chapadinha e de outros municípios da região com apenas um veículo.", diz a nota repercutida em blogs e redes sociais ligadas à prefeitura.

Se for verdade essa informação, a prefeitura teria levado em média, 2,45 passageiros por dia em um só veículo, para a capital. 
Compartilhe via: