.

.

segunda-feira, 3 de julho de 2017

“Ambulâncias estavam todas para São Luís”, diz secretário de Comunicação de Chapadinha


O secretário de Comunicação de Chapadinha, Eduardo Braga, respondeu a um questionamento feito no blog do William (VEJA AQUI), sobre a falta de ambulância do município para fazer a transferência de uma vítima de ferimento por arma de fogo, que acabou morrendo durante a viagem a São Luís, em uma ambulância de outro município.

Braga disse que as ambulâncias da prefeitura estavam todas para São Luís, sem citar a quantidade, e ressaltou que “a saúde funciona em rede, o uso de ambulâncias de uns municípios pelos outros é algo corriqueiro.”

O porta-voz da prefeitura lembrou de uma promessa antiga do governador do Maranhão, Flávio Dino, que disse que irá entregar o Hospital Regional de Chapadinha até o final do ano, pondo fim À necessidade de transferências de pacientes à capital.

“O governo do estado se comprometeu a concluir o hospital regional até o final deste ano e casos como este deixarão de ter que ser transferidos para São Luís.”

O secretário entende que o questionamento sobre a situação da saúde no município está sendo feita como forma de “politizar a tragédia” e deixou um recado: “Não é hora de politizar a tragédia, mas de respeitar a dor da família. O assassinato deste cidadão deve ser investigado e os culpados punidos.”


Embora ainda haja muitos esclarecimentos a serem feitos sobre o episódio das ambulâncias, por parte do município, o Blog agradece ao secretário pela manifestação e aguarda também algum esclarecimento (por qualquer meio) de outras autoridades competentes na área da Saúde.
Compartilhe via: