.

.

terça-feira, 18 de julho de 2017

Prefeitura de Chapadinha mantém pagamento dia 20, mas não confirma data para Educação

Em nota publicada nesta terça, nas redes sociais, a prefeitura de Chapadinha anunciou que o pagamento dos servidores municipais está mantido para o dia 20, exceto os da Educação, que ficarão na dependência do repasse do governo federal, que confiscou R$ 2,1 milhões da conta do Fundeb do município.

Confira a nota:

Resultado de imagem para dinheiroA Prefeitura de Chapadinha manterá no dia 20 o pagamento dos salários dos servidores públicos municipais das Secretarias de Saúde, de Assistência Social e das demais secretarias custeadas com recursos próprios do município.

Infelizmente, os salários dos servidores da Secretaria de Educação só poderão ser efetuados quando o governo federal repassar a compensação pelo confisco de R$ 2,1 milhões feito na conta do Fundeb do município. “Até o dia 9 de julho tínhamos R$ 2,9 milhões em conta, mas o desconto que os municípios maranhenses sofreram do governo federal impede que a gente possa pagar a Educação no dia 20”, explica a secretária de Finanças Mônica Pontes.

A folha de pagamento da Educação já está feita, esperando apenas o governo federal cumprir o acordo firmado com os municípios maranhenses pelo qual será adiantado ainda no mês de julho o repasse de recursos que o município receberia no final do ano.

“Nossa gestão está sendo penalizada agora porque o município recebeu mais do que o devido no ano passado. O que eu estranho é que outros prefeitos pagaram até 14º salário para seus professores no final do ano, mas em Chapadinha não teve isso e nem ficou recurso nos cofres da Prefeitura”, lamenta o prefeito Magno Bacelar.


É importante ressaltar neste momento de dificuldade financeira que outros municípios se encontram com salários atrasados, mas Chapadinha vem pagando os servidores em dia e com todos os direitos garantidos em lei, inclusive as 13 horas em efetivo trabalho de sala aula dos professores. Tão logo seja possível todos voltarão a receber de acordo com o calendário anunciado no início do ano.

Compartilhe via: