.

.

quinta-feira, 31 de agosto de 2017

VÍDEO: Jovens são forçados a cavar a própria cova antes de execução no RS

PORTO ALEGRE - Dois jovens foram obrigados a cavar a própria cova antes de serem executados nesta segunda-feira, 28. Os crimes ocorreram em Gravataí, na região metropolitana de Porto Alegre, e a Polícia Civil investiga se foram motivados por uma briga entre facções.

Em imagens obtidas pela Polícia Civil, as vítimas Victor da Rosa, de 22 anos, e Wagner da Rosa, de 17, cavam a própria cova. Em seguida, são baleadas, têm os corpos incendiados e são enterradas. Três homens que aparecem nas imagens ainda não foram localizados pela polícia.


Segundo o delegado Felipe Borba, os jovens não tinham antecedentes criminais. “Pelo vídeo que assistimos, seria uma briga entre facções pela disputado ao tráfico de drogas", disse. Na noite de segunda, um jovem que estava próximo ao local do crime com uma arma de fogo foi preso, mas negou o envolvimento no assassinato.

Na primeira filmagem, um dos homens aparece cavando uma cova e o outro sob a mira de uma arma. O criminoso que segura a arma cita a facção do tráfico da qual participa e diz que os dois serão mortos para servir de exemplo. Na sequência, ele ainda repete as ameaças ao homem que está cavando, enquanto comparsas riem e brincam.

No segundo vídeo, as duas vítimas são colocadas na cova, onde são executadas e têm seus corpos queimados. A Polícia Civil chegou ao local após uma denúncia.

Suspeitos foram presos na noite de segunda-feira(28)
No início da noite, também no bairro Xará, a Brigada Militar prendeu dois homens, suspeitos de terem participado do crime. Eles foram apresentados na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento. A Polícia investiga o caso.

Fontes: O Estadão e Diário de Canoas
Compartilhe via: