.

.

sexta-feira, 18 de maio de 2018

Poste quebrado há 4 meses oferece risco às pessoas no Mercado Central, em Chapadinha


Chapadinha, sexta, 18 de maio de 2018

Quem passa pelo Mercado Central, em Chapadinha, se assusta ao ver um poste quebrado, sustentado apenas pelos fios da rede elétrica. Com medo de uma tragédia, moradores disseram que já procuraram a Cemar, mas nada foi resolvido.

Há dois meses, em Timbiras/MA, uma mulher morreu ao ser atingida por um poste que estava na mesma situação. 



Márcia, vítima do poste que caiu em Timbiras, em 16 de fevereiro deste ano


Lá na cidade de Timbiras, a situação era idêntica à de Chapadinha. O poste, segundo moradores locais, estava com problemas em sua estrutura e por isso foi alvo de críticas nas redes sociais, onde internautas cobravam uma troca imediata, o que, infelizmente, não aconteceu a tempo.
“É preciso alguém sofrer um acidente pra esse povo da Cemar tomar uma providência. Tô desde ontem à noite praticamente implorando pra eles virem fazer o serviço deles e nada. Desde ontem, meu bairro sem energia”, escreveu a moradora Nathália Nunes.




A pergunta é: vão deixar o poste cair sobre alguém, para trocar?


Em Chapadinha, internautas também usam as redes sociais para criticar a inércia da Cemar:


Compartilhe via: