Mãe é presa suspeita de matar filha de 1 ano com uma marreta e atear fogo em seguida

Mãe mata filha de um ano com golpes de marreta, no Parque Santa Rita, em Goiânia

Uma criança de 1 ano e 8 meses foi morta com golpes de marreta e a mãe, identificada como Alessandra Fiuza Neves, é a principal suspeita do crime, na manhã desta quinta-feira (21/02), no Parque Santa Rita, em Goiânia. Acredita-se que a mulher tenha problemas psicológicos. As informações são do E Mais Goiás.

De acordo com informações da Polícia Militar, a mulher utilizou uma marreta e quebrou crânio, pernas e braços da menina. Depois, ela jogou a criança em um entulho no quintal da residência e ateou fogo.

A Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros estão no local do crime. A mãe, que estava em estado de choque, foi levada ao Cais do Bairro Goiá. Após atendimento, ela será encaminhada para a Central de Flagrantes da Polícia Civil.

Atenção! Comentários abusivos e desrespeitosos serão deletados. Nem tente.
EmoticonEmoticon