I Desafio Ayrton Senna de Ciclismo – Pedal da Chapada é realizado com sucesso



Ontem, no dia 1 de Maio, um grupo de 17 ciclistas de Chapadinha do grupo “Pedal da Chapada” realizou o I Desafio Ayrton Senna de ciclismo em lembrança ao tricampeão de fórmula 1 que nos deixou há 25 anos. O desafio consistiu no percurso Chapadinha – Vargem Grande – Chapadinha com aproximadamente 150 km pela BR-222, onde a finalidade do desafio não era quem chegava primeiro, mas a conclusão do percurso e trabalho em equipe, mostrando espírito de união, de altruísmo e desambição.



As catracas começaram a girar às 04h15  da madrugada.
A primeira parada ocorreu na ponte de cimento do Rio Munim para verificar se o ritmo da pedalada estava adequado a todos os ciclistas. Posteriormente, os ciclistas pararam na entrada do município de São Benedito do Rio Preto, no povoado Placas para tomar aquele café reforçado com frutas e um delicioso frito de frango e na oportunidade, aproveitamos para encher as garrafas com água para hidratação.

Neste momento os ciclistas aproveitavam para conversar sobre a próxima parada e os desafios que encontrariam pela frente, principalmente as ladeiras do percurso. A comunicação era feita através de radiotransmissores do ciclista que ia na frente com o que ia por último, sempre pensando em coletividade, para todos terem a ciência do trabalho em equipe.



A cada parada muitos moradores perguntavam de onde estávamos vindos e para onde iríamos e, geralmente, ficavam surpresos com as respostas, pois já sabiam da dificuldade do percurso. A cada passagem por povoados ao longo da BR-222 as crianças ficavam deslumbras com as bicicletas, com roupas coloridas, com os capacetes, com as lanternas de sinalização e diversos apetrechos carregados pelos ciclistas.

O trabalho em equipe é diferenciado, onde quando um ciclista furava um pneu, quando ficava cansado, quando ocorriam algumas cãibras os demais ciclistas que estavam naquele grupo paravam para ajudar com materiais diversos e ajuda psicológica, com palavras de força, apoio e superação. Algumas horas depois os ciclistas que saíram de Chapadinha chegaram em Vargem Grande, que foi comemorado com um lanche bem reforçado, composto por frito de frango, um frito de ovo, pão e muita vitamina.



Após o descanso da chegada os ciclistas foram registrar que chegaram em Vargem Grande com uma foto no pórtico de entrada da cidade e posterior retorno para Chapadinha às 10 horas. O retorno foi mais difícil pois o sol resolveu aparecer com maior intensidade aumentando a freqüência cardíaca e o cansaço. No momento que algum ciclista não se sentiu bem, ele foi direcionado para um dos três carros de apoio na qual devemos nosso total agradecimento: Casa Bela Móveis que disponibilizou uma Chevrolet Montana; O Sr. Glêdson que disponibilizou uma Amarok com carroceria de madeira e o Eduardo que juntamente com a Parnauto-Honda disponibilizou uma Fiat Strada.

Além de disponibilizarem os respectivos carros com combustível, disponibilizaram também motorista que ficou por todo o percurso dando total apoio aos ciclistas. Nossos sinceros agradecimentos a ajuda de vocês!

No retorno para Chapadinha foram realizadas algumas paradas e a mais longa foi na ponte de cimento do Rio Munin, onde os ciclistas aproveitaram para tomar um banho de rio após 130 km já percorridos. A chegada dos ciclistas ocorreu por volta das 14h30  na cidade de Chapadinha.

Essa semente de ontem, dia 1 de maio de 2019, foi plantada. Esperamos que possa vir o segundo, terceiro…. vigésimo, trigésimo terceiro Desafio Ayrton Senna de Ciclismo no feriado do dia do trabalhador. Espera-se uma maior adesão ao ciclismo pela melhora na qualidade de vida e que o setor público e privado possa investir em melhorias diretas para os ciclistas e indireta para todos.

Cordialmente,

Equipe Pedal da Chapada

Atenção! Comentários abusivos e desrespeitosos serão deletados. Nem tente.
EmoticonEmoticon