Guarda municipal de Viana morre ao trocar tiros com policiais; outros quatro foram presos - Blog do William

Blog do William

Blog do William - Notícias de Chapadinha e do Baixo Parnaíba Zap: (98) 99210-7825 Anapurus, Mata Roma, Brejo, São Bernardo, Santa Quitéria, Urbano Santos, Belágua, São Luís, Milagres do Maranhão, São Benedito,

Home Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

Your Ad Spot

quarta-feira, 2 de outubro de 2019

Guarda municipal de Viana morre ao trocar tiros com policiais; outros quatro foram presos

Operação policial visava desmontar um esquema criminoso montado pelos funcionários do município, mas houve troca de tiros; um morreu e cinco foram presos

imirante

VIANA - O guarda municipal Raimundo dos Santos Baia Pinheiro, de Viana, foi morto ontem em confronto com a Polícia Militar. Na operação, que teve participação de policiais civis, foram presos o policial militar aposentado, José Raimundo Costa, o Manelão; Francisco de Assis Mendonça Neto, João Batista Meireles, o Curica; Márcio Aurélio Mendonça e Rayones Queiroz de Sousa, todos da Guarda Municipal local.
O delegado Guilherme Campelo, superintendente da Polícia Civil do Interior, informou que os detidos integravam uma quadrilha responsável pela prática de vários crimes, como ameaças de morte e abuso de autoridades a populares. Eles, inclusive, são acusados de ostentarem armas de fogo em via pública diariamente.
A polícia começou a investigar a denúncia e ao constar as irregularidades, solicitou ao Poder Judiciários os mandados de prisão e de busca e apreensão. Ontem, os policiais militares e civis deram cumprimento a essas ordens judiciais na Baixada Maranhense. “Houve denúncias de abusos praticados por funcionários contratados pela Guarda Municipal, então, a polícia investigou o caso por mais de três meses”, explicou o delegado.

“Houve denúncias de abusos praticados por funcionários contratados pela Guarda Municipal de Viana, a polícia, então, investigou o caso por mais de três meses”.Delegado Guilherme Campelo, superintendente do Interior
Cerco
Um dos pontos visitados pela polícia foi a residência de Raimundo Baia, na zona rural de Viana. Ao chegarem ao local, os policiais foram recebidos a tiros. Houve confronto e uma das balas atingiu Raimundo Baia. O delegado declarou que o baleado foi levado para o Hospital Regional José Murad, em Viana, onde chegou sem vida.
Na casa dele, a polícia encontrou um revólver calibre 38, munições, um par de algemas e duas placas de coletes balísticos. “Baia já tinha passagem por porte ilegal de arma de fogo e receptação de placas balísticas de colete”, disse o delegado.
Na residência do militar aposentado, os policiais apreenderam uma pistola 380, carregadores e diversas munições. Os policiais também encontraram armas, munição, algemas e balaclavas nas casas dos outros presos.
Os detidos e o material apreendidos foram apresentados na delegacia regional de Viana. O delegado afirmou que eles vão responder inicialmente pelos crimes de associação criminosa e posse ilegal de arma de fogo e munição.
Números
5
foi o número de guardas municipais de Viana presos em operação das Polícias Militar e Civil; um foi morto ao enfrentar os policiais

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção! Comentários abusivos e desrespeitosos serão deletados. Nem tente.

Post Top Ad

Your Ad Spot