Ex-prefeita de Anapurus Tina Monteles descumpre prisão domiciliar e é flagrada em Chapadinha - Blog do William

Blog do William

Blog do William - Notícias de Chapadinha e do Baixo Parnaíba Zap: (98) 99210-7825 Anapurus, Mata Roma, Brejo, São Bernardo, Santa Quitéria, Urbano Santos, Belágua, São Luís, Milagres do Maranhão, São Benedito,

Home Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

Your Ad Spot

segunda-feira, 18 de novembro de 2019

Ex-prefeita de Anapurus Tina Monteles descumpre prisão domiciliar e é flagrada em Chapadinha

Por blog do Gilberto Leda
A ex-prefeita de Anapurus Tina Monteles foi mais uma vez flagrada descumprindo ordem judicial de prisão domiciliar.

Imagens que começaram a circular hoje nas redes mostram a ex-gestora passeando, no dia 7 de novembro, pelo centro de Chapadinha, em plena luz do dia e em horário de grande circulação de pessoas e veículos. Ela foi vista fazendo compras na cidade.

Tina Monteles foi condenada por dispensa ilegal de licitação a uma pena de 5 anos e 10 meses de detenção em regime semiaberto. Porém, a pena foi convertida em prisão domiciliar e começou a ser cumprida em outubro de 2017.

Na decisão inicial, ela teve direito a alguns benefícios, como frequentar livremente as cidades de Anapurus, Mata Roma, Chapadinha e São Luís no horário compreendido entre as 5h e as 23h, sendo que o sábado era livre.

Ainda assim, a ex-prefeita descumpria constantemente as condições impostas, sendo flagrada diversas vezes em festas e eventos em cidades e horários não permitidos. Ela chegou a participar ativamente da campanha política de 2018, tendo realizado comícios e reuniões em sua residência de Anapurus.

Por conta desses constantes descumprimentos, Tina Monteles acabou sendo denunciada pelos próprios cidadãos de Anapurus, e em uma audiência no dia 21 de novembro de 2018, teve boa parte desses benefícios suspensos, quando lhe foram impostas condições mais severas.

Tina perdeu o direito de transitar por Mata Roma, Chapadinha e São Luís e passou a ser obrigada a se recolher das 21h às 8h, além de ficar proibida de frequentar locais públicos e realizar ou participar de eventos políticos. Mesmo assim, ela segue descumprindo os termos da decisão judicial.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção! Comentários abusivos e desrespeitosos serão deletados. Nem tente.

Post Top Ad

Your Ad Spot