Imposto de Renda 2020: entrega da declaração começa em 2 de março e termina em 30 de abril


Segundo Receita Federal, deve declarar quem recebeu rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2019. Restituições serão pagas a partir de maio.

Restituições serão pagas a partir de maio. Também deve declarar contribuintes que receberam rendimentos isentos, não-tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma tenha sido superior a R$ 40 mil no ano passado.

Apresentação da declaração do Imposto de Renda 2020, ano-base 2019, começa em 2 de março, logo após o carnaval, e se estende até o dia 30 de abril. A multa para o contribuinte que não fizer a declaração ou entregá-la fora do prazo será de, no mínimo, R$ 165,74 com valor máximo a 20% do imposto devido.

Uma das novidades na declaração do IR deste ano é que as restituições serão pagas em cinco lotes, e não mais em sete, e o primeiro lote do IR será liberado em maio – até o ano passado, os lotes começavam a ser liberados em junho.

CONTABIL ASSOCIADOS
Av: Presidente Vargas nº 660 B - Corrente
Chapadinha-MA
Cel: (98) 99188-9830 / 98911-4087

Atenção! Comentários abusivos e desrespeitosos serão deletados. Nem tente.
EmoticonEmoticon