LIVRES | Ronaldinho e Assis admitem erro, mas ficam livres de acusação pelo Ministério Público do Paraguai - Blog do William

Blog do William

Blog do William - Notícias de Chapadinha e do Baixo Parnaíba Zap: (98) 99210-7825 Anapurus, Mata Roma, Brejo, São Bernardo, Santa Quitéria, Urbano Santos, Belágua, São Luís, Milagres do Maranhão, São Benedito,

Home Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

Your Ad Spot

quinta-feira, 5 de março de 2020

LIVRES | Ronaldinho e Assis admitem erro, mas ficam livres de acusação pelo Ministério Público do Paraguai

Promotoria decide não acusar ex-jogador, e caso dos brasileiros irá para Juizado Penal de Garantias do país. MP pede prisão preventiva do empresário Wilmondes Sousa Lira

Ronaldinho e o irmão Assis deixam a Promotoria contra o Crime Organizado após prestarem depoimento nesta quinta — Foto: Jorge Adorno/Reuters
Ronaldinho e o irmão Assis deixam a Promotoria contra o Crime Organizado após prestarem depoimento nesta quinta — Foto: Jorge Adorno/Reuters

Por GloboEsporte.com — Assunção, Paraguai

O Ministério Público do Paraguai decidiu não acusar Ronaldinho Gaúcho e seu irmão, Assis, pelo uso de documentos falsos no país. A informação foi publicada pelo jornal “ABC Color” e confirmada ao GloboEsporte.com pela assessoria de imprensa da entidade. Os brasileiros admitiram erro e ficaram livres do processo. O MP considerou que ambos “foram enganados em sua boa fé”.

A promotoria decidiu usar o “critério de oportunidade”, recurso no Código Penal paraguaio que deixa livre de processo Ronaldinho e seu irmão. Ele é usado quando os suspeitos admitem o delito e não têm antecedentes criminais no Paraguai. O caso, no entanto, irá ao Juizado Penal de Garantias do país. O promotor Federico Delfino comentou a decisão ao jornal “ABC Color”.

“O senhor Ronaldo Assis Moreira, mais conhecido como Ronaldinho, aportou vários dados relevantes para a investigação e atendendo a isso, foram beneficiados com uma saída processual que estará a cargo do Juizado Penal de Garantias”, afirmou o promotor.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção! Comentários abusivos e desrespeitosos serão deletados. Nem tente.

Post Top Ad

Your Ad Spot