....

....

...

Seis mortos em dois dias: Irmãos são linchados após um deles matar quatro pessoas no interior do Maranhão

SÃO JOÃO DO SÓTER – No início da manhã deste domingo (1º), o acusado de ter assassinado três pessoas em um arraial na cidade de São João do Sóter, foi linchado por algumas pessoas da região após matar o jovem Tássio Rocha, que era filho dos ex-prefeitos da cidade Luiza Rocha e Clodomir Rocha.

Do imirante


Segundo a polícia, Marlon (acima) matou quatro pessoas em menos de 48h. / Foto: Divulgação.

Segundo informações policiais, o jovem identificado apenas como Marlon foi o autor do crime que ocorreu na madrugada do sábado (30), em um festejo junino na cidade. O crime vitimou o secretário de cultura do município, Cícero Rocha, o vereador Antônio da Conceição Aguiar (também conhecido como "Totonho") e José Ferreira da Silva Júnior, conhecido como “Júnior do Naza”.

Tássio Rocha era filho dos ex-prefeitos de São João do Sóter, Luiza Rocha e Clodomir Rocha. / Foto: Divulgação.

Saiba mais sobre o caso: Os três foram mortos a tiros durante uma confusão no último dia de festejo junino na cidade

De acordo com informações do comandante do 2º Batalhão da Polícia Militar em Caxias-MA, o tenente-coronel Márcio Silva Rogério, o acusado fugiu após cometer o triplo homicídio para uma região de matagal.

Foi feita a diligência durante todo dia de ontem, onde o acusado foi visto pela última vez nas imediações da cidade. Já no período da noite, ele foi reconhecido por testemunhas que informaram o paradeiro do acusado para a Polícia Militar, que montou o cerco nas proximidades.

Ainda segundo o tenente-coronel, durante toda a noite foram realizadas as diligências e, na manhã deste domingo, com maior visibilidade, as guarnições da PM adentraram o matagal. Durante a busca, o filho do ex-prefeito encontrou o acusado e tentou contê-lo. No confronto, Marlon atirou contra Tássio Rocha, levando-o a óbito. Após isso, o autor do crime foi linchado pela população.



Segundo informações dos agentes policiais, o irmão do acusado também foi linchado e está em estado grave no hospital. Com a morte de Marlon, cinco óbitos foram registrados ao todo somente neste final de semana, em São João do Sóter.

Ainda de acordo com o tenente-coronel Márcio Silva Rogério, a tragédia foi motivada por uma confusão durante o último dia de arraial na cidade, quando houve uma desavença entre Marlon e outra pessoa por causa de uma mulher. Marlon teria sacado uma arma e tentado tomar satisfação e algumas pessoas tentaram desarmá-lo, mas mesmo assim o disparo foi feito, matando Cícero Rocha e o vereador “Totonho”. Após o crime, Marlon empreendeu fuga, e “Júnior do Naza” tentou detê-lo, mas também foi alvejado a tiros e morreu.

O caso continua sendo investigado.

Atenção! Comentários abusivos e desrespeitosos serão deletados. Nem tente.
EmoticonEmoticon