VALE DAS FLORES

VALE DAS FLORES
Clique no banner acima para saber mais

Mestrado Interinstitucional FAP-UNISC é o novo marco na história da Educação da região



Há uma década e meia, o chapadinhense que quisesse fazer uma graduação, precisava sair da sua terra. Nem aqui nem em nenhuma outra cidade da região havia mais do que o ensino médio.

Isso começou a mudar com a inauguração da Faculdade do Baixo Parnaíba (FAP) em 2005. Logo após, foi ativado o campus IV da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) no município, e outras instituições foram se instalando por aqui.

Também foi a FAP a primeira instituição a oferecer cursos de pós-graduação nas regiões do Baixo Parnaíba e Alto Munim. Hoje ela forma especialistas em Docência de Ensino Superior, Gestão e Supervisão, Psicolinguística e Psicopedagogia.

Sempre na vanguarda, a FAP deu outro passo inovador neste semestre. A diretora de ensino prof.ª Nony Braga buscou parceria interinstitucional com a Universidade de Santa Cruz Do Sul (UNISC), instituição gaúcha com Conceito Institucional máximo no Ministério da Educação (MEC), e viabilizou a oferta de um curso de Mestrado em Educação pela primeira vez na história da região.

Ao invés dos moradores de Chapadinha saírem para buscar uma qualificação fora, o município é que está recebendo quem quer dar um passo além na sua formação. A primeira turma, com 17 mestrandos, é formada por profissionais do município, da região e até de São Luís, que se inscreveram em edital público. Os mestrandos têm aulas presenciais durante uma semana por mês na FAP. Nos outros momentos, se dedicam a estudos e pesquisas nas áreas de aprendizagem, tecnologias, linguagem, cultura, trabalho e emancipação.

“Há professores, advogados, servidores públicos e outros profissionais cursando este mestrado. É um curso muito amplo, até porque a Educação envolve diferentes sujeitos inseridos em diferentes setores da sociedade.”, ressalta Auridéia Vale, que é professora da FAP e uma das mestrandas.

O marco histórico representado por este curso, assim como outros avanços anteriores, não é relevante apenas para os que estão cursando-o, mas para toda a comunidade que passou a contar com profissionais qualificados nestes 14 anos de atividade da Faculdade do Baixo Parnaíba. “Temos muito orgulho do espírito empreendedor da FAP. Buscamos estar sempre um passo à frente, inovando e ampliando a produção acadêmico-científica na nossa região”, comemora a professora Nony Braga, que espera a formação de novas turmas de mestrado em breve e de doutorado no futuro.

ASCOM/FAP

Atenção! Comentários abusivos e desrespeitosos serão deletados. Nem tente.
EmoticonEmoticon