Cigana que exibiu armas e fez ameaças em vídeo é presa em Coelho Neto




Policiais da Delegacia Regional de Caxias, em conjunto com o 2° BPM, efetuaram, na tarde dessa quinta-feira (22), a prisão de Francylucia Rocha dos Santos, de 31 anos, em cumprimento a mandado de prisão temporária, expedido pelo juiz Paulo Roberto Brasil Teles de Menezes, titular da 1° Vara de Coelho Neto.

Francylucia aparece em um vídeo exibindo armas de uso restrito e proferindo ameaças contra um cigano rival. O vídeo foi compartilhando em grupos de WhatsApp no mês de junho deste ano.

No momento da prisão, vários ciganos se concentraram em frente à delegacia, sendo necessária a transferência imediata de Francylucia para a Unidade Prisional de Ressocialização (UPR) de Caxias.
 
"Didoca" foi preso como mandante da chacina em Coelho Neto
A cigana e seu companheiro, Antônio Carlos Sobral da Rocha, conhecido como “Didoca” ou “Campelo”, são suspeitos de participação na chacina ocorrida no dia 09 de junho deste ano, em Coelho Neto, a 365 km de São Luís.

“Didoca” já havia sido preso pela Superintendência de Policial Civil do Interior (SPCI) na cidade de Arari. Ambos são de etnia cigana. Francylucia já responde a processo por tráfico de drogas na comarca de Pio XII.
 

Sobre o vídeo com ameaças

No vídeo, Francylucia aparece fazendo ameaças contra um homem conhecido como “Chico do Jambu”, que seria um dos rivais do grupo de ciganos de Coelho Neto.

O vídeo foi publicado nas redes sociais no dia 17 de junho. Exibindo armas de grosso calibre, a mulher diz o seguinte:

“Chico do Jambu, essa daqui é pra tu: uma 9mm, 31 tiros. Nós já lutemos pra te pegar na correria, mas nós não conseguimos. Agora, temos que te pegar é de bala. Esse pente é só pra tu e teus robozinhos, que estão aí pertinho de tu. Esse daqui é pra teus cachorrinhos mais fracos. Essa daqui é só pra eu descarregar na b* de tua mulher, na hora que eu pegar ela. Se daqui pra lá ela já não tiver morrido. Essa daqui eu vou disparar dentro do teu c*. Se eu não conseguir te pegar com a 9mm, eu te pego com essa daqui. Não te preocupa, não, que morrer tu vai. E os teus robôs também. Tua hora tá chegando. Se essas duas não te pegar, tu pode dizer assim: não vou morrer mais na mão de cigano. Vou morrer de morte mesmo”.

Pelas imagens, as armas exibidas são pistolas e uma espingarda calibre .20, municiadas.

No vídeo, observa-se que a mulher está sendo orientada por um homem que não aparece nas imagens. Uma criança chega a aparecer rapidamente na filmagem.

por Gilberto Lima.

Atenção! Comentários abusivos e desrespeitosos serão deletados. Nem tente.
EmoticonEmoticon