Criança de dois anos perde o baço após sofrer agressões; mãe é suspeita do crime - Blog do William

Blog do William

Blog do William - Notícias de Chapadinha e do Baixo Parnaíba Zap: (98) 99210-7825 Anapurus, Mata Roma, Brejo, São Bernardo, Santa Quitéria, Urbano Santos, Belágua, São Luís, Milagres do Maranhão, São Benedito,

Home Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

Your Ad Spot

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2020

Criança de dois anos perde o baço após sofrer agressões; mãe é suspeita do crime



Nessa segunda-feira (17), uma mulher de 28 anos, identificada como Ironilde de Sousa Barbosa, foi presa na cidade de Presidente Dutra, suspeita de espancar a filha de apenas 2 anos de idade. A mulher foi presa dentro de um hospital público da cidade, onde a criança estava internada.

Segundo a delegada Elen Coelho, titular da Delegacia Especial da Mulher (DEM) de Presidente Dutra, após a mãe dar entrada no hospital com criança bastante lesionada, a equipe de assistência social da unidade hospitalar acionou o Conselho Tutelar, o qual comunicou o caso à polícia.

De acordo com a delegada, a menina deu entrada no hospital nessa segunda, com inúmeras marcas de agressões feitas em momentos distintos.

“A criança estava com vários hematomas no tórax, costela, no rosto e na cabeça. Havia sinais de pancada nas costas e cabelo arrancado. Devido à gravidade das lesões, a menina teve o baço rompido. Ela foi submetida a cirurgia de laparotomia exploratória e acabou perdendo o baço. O estado de saúde da menina é estável ”, relatou a titular da DEM.

Ainda segundo a delegada, a própria criança falou à equipe médica que a mãe havia lhe agredido. Ironilde de Sousa foi presa em flagrante e apresentada na Delegacia Especial da Mulher, que fica na 13ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Presidente Dutra. Em depoimento, a mulher alegou que as lesões na filha foram causadas por uma queda. Mas, segundo a delegada Elen Coelho, há lesões antigas que mostram que a criança estava sendo agredida.

“As lesões são incompatíveis com queda e foram ocasionadas em momentos diversos. Há marcas com formas, dimensões e outras características que atestam terem sido realizadas em vários momentos diferentes. Todos no hospital estão comovidos com o caso, pois a criança está lesionada da cabeça aos pés. A menina já tinha várias entradas nos hospitais da cidade, desde a semana passada”, explicou a delegada da DEM.

Ironilde de Sousa Barbosa foi encaminhada à Unidade Prisional de Presidente Dutra, onde ficará à disposição da Justiça.

O padrasto da criança, que não teve a identidade divulgada, também é suspeito de ter participado das agressões. Ele está sendo procurado pela polícia.


do Portalnc1.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção! Comentários abusivos e desrespeitosos serão deletados. Nem tente.

Post Top Ad

Your Ad Spot