Homem é preso suspeito de envolvimento na morte de jovem que havia desaparecido em São Sebastião - Blog do William

Blog do William

Blog do William - Notícias de Chapadinha e do Baixo Parnaíba Zap: (98) 99210-7825 Anapurus, Mata Roma, Brejo, São Bernardo, Santa Quitéria, Urbano Santos, Belágua, São Luís, Milagres do Maranhão, São Benedito,

Home Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

Your Ad Spot

sábado, 11 de julho de 2020

Homem é preso suspeito de envolvimento na morte de jovem que havia desaparecido em São Sebastião

Homem foi preso depois de tentar abusar de uma jovem em Ilhabela. Julia Rosemberg havia desaparecido depois de sair de casa para uma trilha na região de Maresias e foi encontrada morta.

Corpo da jovem Julia Rosemberg foi encontrado em São Sebastião — Foto: Reprodução/ Facebook

Um homem de 37 anos foi preso nesta sexta-feira (11) em Ilhabela suspeito de matar a jovem Julia Rosemberg, que foi encontrada morta depois de sair de casa para uma trilha em São Sebastião. Segundo a polícia, ele teria tentado abusar de uma jovem de 23 anos, mas foi flagrado e preso.

Segundo a Polícia Civil, o homem abordou a jovem na região do bairro Barra Velha e teria tentado agarra-la. O namorado da vítima flagrou a ação e acionou a Polícia Militar que prendeu o homem por importunação sexual.

Na delegacia, foram apreendidos com ele um celular e uma peça feminina. Em depoimento o homem contou que esteve em Maresias no dia do crime contra Julia e foram recolhidas amostras de tecido para a perícia comparar com material apreendido no local do crime, em São Sebastião.

De acordo com a polícia, a importunação e a relação dele com Maresias levantaram a suspeita do envolvimento, mas vão aguardar a análise de laboratório para confirmar. O caso segue sendo investigado.

O crime
Julia desapareceu depois de sair para uma trilha no domingo (5) entre a região de Paúba, onde morava, e São Sebastião. O corpo dela foi encontrado na segunda-feira em uma cova em uma área de mata da trilha.


Segundo a polícia, a jovem de 21 anos foi estrangulada com a alça de uma pochete que usava. Celular, documentos e os tênis de Julia foram levados e, por isso, o caso foi registrado como latrocínio.

Além do homem preso em Maresias, a polícia faz buscas por um homem que foi flagrado por imagens de câmeras de segurança próximo a Julia enquanto caminhava.

do g1.globo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção! Comentários abusivos e desrespeitosos serão deletados. Nem tente.

Post Top Ad

Your Ad Spot